Cristãos sírios oram e beijam a Bíblia antes de batalha contra a Turquia

Cristãos sírios oram e beijam a Bíblia antes de batalha contra a Turquia

Turquia tem avançado contra grupo de sírios curdos, grupo que ela considera como terrorista

Com a saída das tropas americanas da região, a Turquia iniciou na última quarta-feira (9) ataques contra a Síria para combater os curdos sírios que ela considera ser um grupo terrorista.

Na sexta-feira as tropas turcas avançaram contra o nordeste da Síria e derrotaram as Forças Democráticas Sírias (SDF), aliadas dos EUA, no ar e no solo.

Segundo reportagem da CBN News, alguns combatentes cristãos das forças da SDF foram à igreja para orar e beijar a Bíblia antes de voltar para as linhas de frente para defender sua terra natal contra a invasão turca.

Do outro lado da fronteira, soldados turcos estão rezando o Alcorão antes de entrar em batalha.

A violência provocou um deslocamento maciço e está forçando milhares de cristãos, curdos, yazidis e outros a fugir para salvar suas vidas.

A agência de refugiados da ONU informou que dezenas de milhares de pessoas estavam fugindo da região, um local semelhante ao de alguns anos atrás, quando civis saíram a pé para escapar do ISIS.

Ambos os lados sofreram baixas e a Turquia relatou sua primeira fatalidade militar, dizendo que um soldado foi “martirizado” nos combates.

As autoridades turcas disseram que seus militares mataram 277 “terroristas”, referindo-se a soldados curdos sírios. Esses números não podem ser verificados independentemente.

Artigos relacionados